domingo, 22 de junho de 2008

Veio mesmo a calhar


9:00 H da manhã e o seu papo ainda está vazio ... ufa ... ainda bem que esta Tainha apareceu a dar moleza aqui à beira Tejo!!! É uma Garça real (Ardea cinerea), uma ave migratória de patas longas e pescoço muito comprido que termina num bico em forma de punhal com que fisga estes peixinhos. Possui cabeça e pescoço esbranquiçados com manchas escuras, suas asas e dorso são cinzentos, mede perto de 1 m de comprimento, tem cerca de 2 m de envergadura de asas e pode ultrapassar 1,5 kg de peso. Em voo ou em repouso, é frequente recolher o pescoço em forma de "S". Ocorre em habitats de água doce pouco profunda, com arvoredo nas margens (rios, ribeiros, deltas, estuários, albufeiras, represas, lagoas, arrozais, canais e diques) e está distribuida desde o Norte de África até à Escandinávia. Alimenta-se de peixes, anfíbios, pequenos mamíferos, répteis, insectos, invertebrados e outras pequenas aves e a sua esperança de vida é de 25 anos.

1 comentário:

Nélia disse...

Boa noite Isabel!
Cheguei aqui através de outro blog e apreciei muito as suas excelentes fotos.
O título de cada post está o máximo!
Depois de olhar para a foto, não podia ser mesmo outro!
Parabéns pela imaginação
Tenha uma boa semana
Nélia